Plano de classificação

Neves, Maria Rosa de Figueiredo das. 1731-1826, 5ª Senhora da Casa de Margaride

Ações disponíveis

Ações disponíveis ao leitor

Consultar no telemóvel

Código QR do registo

Partilhar

 

Neves, Maria Rosa de Figueiredo das. 1731-1826, 5ª Senhora da Casa de Margaride

Detalhes do registo

Nível

Registo de autoridade   Registo de autoridade

Tipo de entidade

Código

AAP/MRFN

Forma autorizada de nome

Neves, Maria Rosa de Figueiredo das. 1731-1826, 5ª Senhora da Casa de Margaride

História administrativa/biográfica/familiar

Maria Rosa de Figueiredo das Neves, nasceu na rua da Fonte Nova (atual rua de Santo António), São Paio, Guimarães em 5-9-1761, filha de Francisco Machado das Neves, negociante em Guimarães, nascido em Santa Maria de Corvite, Guimarães a 25-1-1707 e de Rosa Bento de Figueiredo e Sousa, em São Paio, Guimarães nascida em 27-6-1731 ( casaram em São Paio, Guimarães em 14-5-1760); neta paterna de Domingos Francisco, que morava no lugar da Bouça em Santa Maria de Corvite, Guimarães e de Rosária das Neves, nascida em Santa Maria de Corvite, Guimarães a 2-1-1681 (com quem casou em S.ta Maria de Corvite, Guimarães a 21-5-1702); neta materna de António de Figueiredo [Violeiro], da rua da Fonte Nova em São Paio, Guimarães e de Ângela de Sousa, nascida em São Clemente de Sande, Guimarães (com quem casou em São Paio, Guimarães a 6-8-1730). Foi 5ª Senhora da Casa de Margaride em São Romão de Mesão-Frio, Guimarães em sucessão a seu marido. Em 24-11-1800, fez escritura na presença do tabelião Nicolau António Pereira, nomeando e doando os seus direitos na quinta de Margaride a seu filho primogénito Domingos, reservando contudo para si o usufruto e impondo sobre a mencionada quinta uma tença vitalícia de 60.000 réis para o Convento de Santa Clara de Vila do Conde, destinada ao sustento de sua filha, Madre Rosa Emília de S. José Cardoso, sendo pagos 40.000 réis por seu filho e os restantes 20.000 réis por ela; nesse mesmo documento comprometia-se a pagar uma tença de 25.000 réis, a sua filha Ana Clementina de S. Joaquim, freira professa no dito convento pelos bens da sua legitima e pelos seus próprios . Morreu na rua Nova de Santo António, em Guimarães a 30-11-1826 (sendo sepultada na igreja de S.to António do Convento dos Capuchos em Guimarães),In: MENEZES, Luís Cardoso de Menezes Ferreira - O armigerado Domingos José Cardoso de Ma-cedo (1733-1796): A linha varonil e das armas de 1770. "Boletim de Trabalhos Históricos". ISSN 0871-7478 vol VIII: 2019.

Relações com registos de descrição

Relações com registos de descrição
Registo Código Tipo de relação Datas da relação
Documento simplesEscritura de reconhecimento do casal da Ponte, sit... PT/AMAP/FAM/CMCC/01-01/11-24-16-1-10 Produtor
Documento simplesContrato de subemprazamento do casal dos Patos fei... PT/AMAP/FAM/CMCC/01-01/11-24-16-1-7 Produtor
Documento simplesContrato e obrigação que fizeram Domingos José Car... PT/AMAP/FAM/CMCC/01-01/11-24-16-1-9 Produtor
Documento simplesContrato entre Maria Rosa de Figueiredo das Neves,... PT/AMAP/FAM/CMCC/01-03/11-24-16-1-8 Produtor