Plano de classificação

Instrumento publico de Affonso Domingues

Ações disponíveis

Ações disponíveis ao leitor

Representação digital

Instrumento publico de Affonso Domingues

Consultar no telemóvel

Código QR do registo

Partilhar

 

Instrumento publico de Affonso Domingues

Detalhes do registo

Nível de descrição

Documento simples   Documento simples

Código de referência

PT/MGMR/ADP/CMGMR/A/002/8-1-2-16

Tipo de título

Atribuído

Título

Instrumento publico de Affonso Domingues

Datas de produção

1377-05-14  a  1377-05-14 

Dimensão e suporte

1 doc. (495x255 mm)

Extensões

1 Capilha

Autor intelectual

Registo Código Tipo de relação Datas da relação
Registo de autoridadeD. Fernando I. 1345-1383, rei de Portugal AAP/RDFI Autor

Tradição documental

Tipo técnica de registo

Aspeto físico

Cota atual

8-1-2-16

Cota antiga

Nº 28

Idioma e escrita

Transcrição

"Saibam qunatos este intrumento virem que eu Affonso Domingues mercador morador em Guimarães genro de Vasco Lourenço conheço e confesso que por mandado de João Affonso e Lourenço Steves contadores de el Rey recebi Gil Peres morador em a dita villa e procurador do concelho d'ahi 178 libras e dois soldos convem a saberpor Affonso Anes peliteiro 50 libras e por João Luiz Salgado outras 50 libras e por João de Souza mercador 78 libras e 2 soldos os quaesdinheiros por elles recebi a ganho por janeiro que foi desta era adeante scripta em paga das 5 mil libras que o dito concelho de Guimarães deve El Rey as quaes lhe é dito Senhor mandou emprestar os ditos dinheiros bem entregue em nome del Rei das quaes cousas o dito Gil Peres pediu este instrumento. Feito foi em Guimarães14 dias de Maio Era de 1415 annos testemunhas que presentes foram os dous contadores e Gonçalo Domingues que foi almoxerife e Pero Stevão e Lourenço Homem do dito Gonçalo Domingues e outros. E eu Fernando Steves escrivão del Rei e dos seus contos e tabellião por sua carte perante os ditos contadores que a isto presente fui e a requerimento do dito Gil Peres e por outorgamento do dito Affonso Domingues este instrumento escrevi e aqui o meu signal fiz que tal é. Saibam quantos este instrumento virem em presença de mim Fernando Steves escrivão d’el Rei nos seus contos e tabellião por sua carta perante João Affonso e Lourenço Steves seus contadores e as testemunhas que adeante são escriptas os ditos contadores fizerma corregimento ao Concelho de Guimarães por aquillo em que eram obrigados a El Rei por razão das Sizas gerães que lhe foram rendads por 3 annos por Martim da Maria contador do dito Senhor, e pelo dito Concelho foi dito por Gil Peres seu procurador que não era o dito concelho tendo a apagr toda a renda da dita Siza Como lhes El Rei fizesse mercê e lhhes alçasse a dita Siza, fazendo paga da metade do que lhe montava de pagar do tempo que era por correr a dita Siza, fazendo paga da metade do que lhes montava de pagar do tempo que era por correr a dita Siza por mercê do dito senhor que delle mostrou que foi dada 1º dia de Maio da era 413. E os ditos contadores, visto o tempo em que a dita Siza foi rendada ao dito concelho que foi 6 dias de Fevereiro era 412 até o dito 1º dia de Maio que lhe foi alçada, no qual tempo montava 6454 libras e 2 dinheiros mandaram ao dito procurador que em nome do dito concelho fizesse paga da dita quantia ou mostrasse pagas E o dito procurador mostrou logo perante os ditos contadores, estas pagas que se seguem convem a saber a affonso Diniz Thesoureiro que foi dos dinheiros de El Rei das ditas sizas 448 libras e 2 dinheiros segundo se mostrou em um livro da sua recepta escrita por João Affonso escrivão que foi das ditas sizas………..Thesoureiro d’el Rei 1667 por Roy Vasques Pereira a que os o dito concelho mandou dar em paga da sua quantia que havia d’haver como pareceu por carta do dito thesoureiro feita e assiganda por Stevão Anes tabellião do Porto 11 dias de Maio Era de 412 assiganda pelo dito thesoureiro e sellada do seu sello e como pareceu por instrumentos de confissão di dito Roy Vasques um feito por João Peres Tabellião de Guimarães 5 dias de Junho era 412 e outro por João Affonso tabellião da dita villa 1º dia de Julho a qual carta instrumentos ficaram na arca das cartas d’el Rey para obrigar o dito thesouro, As quaes pagas assim vistas pelos ditos contadores acharam que fizera o dito concelho paga da dita quantia que lhes assim montava de pagar no dito tempo que correu a dita Siza como dito é - Outrosim visam uma paga que o dito concelho fez a Martim Affonso almoxerife de Santarém de 4416 libras e 11 soldos e 8 dinheiros por António Peres e João Azedo procuradores do dito Concelho por razão de duas pagas que haviam de fazer a El Rey por dia de S. João Batista de……era 413daquillo que lhes montava de pagar por o quittamento que lhe o dito Senhor e por dito……Thesoureiro, a qual carta ficou ao dito Gil Peres procurador do dito Concelho de Guimarães, da qula paga que o dito concelho houvera de fazer segundo o que ljes montava de pagar do dito quitamento, os dous contadores acharam que lhes mingava de pagar 13 libras e 16 soldos e meio, os quaes logo foram pagas Lopes Fernandes almoxerife de Guimarães por Vasco Martins tabellião da dita villa por uma procuração que eu dito tabellião tenho registada em meu libro, segundo pareceu por instrumento feito e assignado por Pero Steves escrivão do almoxerifado de Guimarães, 21 dias de Maio era de 1425 annos. Das quaes cousas o dito Gil Perespediu este instrumento. Feito foiem Guimarães 8 dias Junho era de 1415 annos. Testemunhas que prezentes foram Bernal Peres porteiro, Gonçalo Domingues que foi almoxerife de Guimarães e Johane abbade home de João Affonso contador e Gil Vasques homem de Lourenço Steves contador e Pero Domingues sacador e outros e dito Fernão escrivão e tabellião sobredito que a isto presente fui e por mandado dos ditos contadores e a requerimento do dito que a isto presente fui e por mandado dos ditos contadores e a requerimento do dito Gil Peres este instrumento escrevi e aqui meu signal fiz que tal é.”

Relações com registos de autoridade

Relações com registos de autoridade
Registo Código Tipo de relação Datas da relação
Registo de autoridadeD. Fernando I. 1345-1383, rei de Portugal AAP/RDFI Autor